segunda-feira, 13 de outubro de 2008

a festa surpresa da mãe

Foi muito difícil organizar esta festa, porque a mãe tem um feitiozinho ... ui!

Tudo começa com a invenção de um almoço em minha casa, que não existia, e que a minha mãe queria adiar, porque todos os convidados estavam fora de Lisboa (ingrediente fundamental para uma festa surpresa).

Tendo eu (não) encomendado doses e doses de comida e sem convidados, a minha mãe insistia que se alterasse a data do almoço (que já não era em minha casa, mas sim na casa da minha tia, ao pé da minha!).

Quantas vezes a minha mãe me disse: "como podes marcar um almoço quando está TODA a gente fora de Lisboa? Não achas que devias primeiro perguntar às pessoas?!"

Com muitas mentirinhas, coladas a cuspo, lá consegui que no sábado a mãe fosse almoçar a minha casa, acompanhada do meu pai e de uns tios.
A caminho iam passar em casa dos meus outros tios (que supostamente estavam fora, mas onde era o almoço real e onde estava toda a gente) para entregar uns papéis ao afilhado. "Papéis importantíssimos", disse o meu pai.

Cá em cima esperávamos todos com um MEGA BOLO de chocolate!

SUUUURRRRPRESSSAAAAAAA!!!!!!!
Que ia dando um treco à mãe! Pois ia!

Cantámos os parabéns! E a mãe diz: então? agora vamos todos almoçar a casa da Rita (eu!)?
Tipo... mãe... não 'tás a ver? É aqui!!!!!!!!!!!!
E ela dizia: Mas ela encomendou tanta coisa!
Tipo... mãe... eu não encomendei nada!

Foi verdadeiramente surpresa!
LOL
E a festa durou o dia todo!

Bjs
Ziggy

Sem comentários: