sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Para o fim-de-semana # 5

Adoro esta senhora… Drink and Drugs Power!!!









Ass: Gattaca

Bem-vindos! # 18

Já há algum tempo que não fazíamos alterações na nossa listagem de clubes amigos e blá blá blá… Infelizmente foram mais os que saíram dos que os novos… Uns porque acabaram outros porque não são actualizados há muito tempo…Quem sabe para a próxima as coisas não serão diferentes.

Aqui vão os que saíram:

De Puta Madre;
Eu no Cu não aprecio;
O Mundo ao contrario;
Puta pouco Abragente;
Segredos Partilhados;
Sete e Sismos;
Staring Elf;
The City Stories;
Vozes do Tempo
Xuac Xuac.
e
Halo Plano

Ainda assim temos um regresso e uma novidade nas listas:

Je_Bois

Fragilmentos

Nos Clubes de Interesse foi incluída um novo link:

Time Out Lisboa

E pronto…

A Direcção:
Gattaca & Ziggy

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Robert Indiana

É inaugurada amanhã uma exposição que aguardo com muito muita expectativa.

São 14 as enormes peças do artista norte-americano Robert Indiana que vão estar patentes no percurso entre o Rossio, a Avenida da Liberdade e o Marquês de Pombal.

Ele é um dos principais nomes do movimento artístico dos anos 60 e 70, Pop Art, juntamente com Andy Warhol e Roy Lichtenstein,

Acho que este fim-de-semana já tenho passeio marcado. Se calhar primeiro vejo a exposição e depois vou montar a minha árvore de Natal. Até aproveito para experimentar a minha nova máquina fotográfica.

“É Natal! É Natal! Tudo bate o péééé… Vamos por os sapatinhos lá na chaminéééé´!”

Ass: Gattaca


Natal 2007 # 3

Estou tão triste. Este ano a rua mais importante ao lado da minha casa não tem luzes de Natal. Zero. Nem uma... É a miséria. É que nem parece Natal. Nada...

Vou ter de arranjar forma de compensar esta miséria franciscana.

Sim eu sei que a Câmara de Lisboa cortou 50% do orçamento para as iluminações deste ano, mas sempre pensei que nesta dita rua fossem os comerciantes que se juntassem e as pagassem. Bem vos digo, o negócio deles vai correr pior.

Agora a rua está normal, tal como no resto do ano todo. Não é justo...

E sei que não sou o único com a mesma queixa e vazio na vida!

Ass: Gattaca

PS - Está na altura de começar a animar o Clube também em termos de Natal...

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Assim se fez arte!

Este foi o quadro que os convidados da festa foram fazendo durante a noite.

Conforme aumentava o nível de álcool no sangue, a criatividade revelava-se...

E eis que se fez esta arte!

O quadro vai estar em exposição no escritório.

Bjs

Ziggy



Carros & Oficinas…

O que eu odeio esta situações.

Desde que tenho este carro sempre achei que a caixa de velocidades não está boa. Várias vezes as mudanças arranham e muitas vezes tenho dificuldades em engatar a seguinte.

Falei com o meu pai, o entendido na matéria, para ver o que se passava. Ele também achou que tinha qualquer coisa de errada. Foi à oficina. Paguei perto da 400 euros de arranjo. Quando o fui buscar notei algumas diferenças, mas passados alguns dias voltou tudo à mesma.

Visto a garantia do mesmo estar a terminar agora, a conselho do meu pai, levei novamente o carro à oficina.

09h40 lá estava eu todo fresquinho. Fui ter com um tipo que já conheço e explico-lhe a situação. Ele vai experimentar o carro e nada. Pede a um outro colega para dar uma volta maior para ver se encontra alguma coisa. E lá vamos os dois passear pelos Olivais e afins. Nada.

Regressamos à oficina… E nada… Enfim!!

Lá vou à recepção da oficina e digo que não encontraram nada. Só mesmo a direcção a fugir para o lado direito (quando eu dizia que era para a esquerda).

Paguei 36 euros pelo arranjo, o que foi muito simpático

Sábado vou ter com o meu pai para ele voltar a experimentar o carro. Vamos ver no que isto tudo vai dar.

Conclusões:

- Definitivamente não entendo nada de carros. Sei mudar pneus, o que já não é mau, e colocar água no radiador e no “xixi”.

- Já estou a ver o raspanete que vou ouvir do meu pai por não perceber nada de carros

- Cada vez estou mais convencido que não gosto da condução de carros a gasóleo. Passado um ano não me habituo, e pronto!

- Estou a isto (e agora imaginem o que é o isto) de comprar o novo Fiat 500. O carro é lindo. Disto eu entendo: design e coisas giras. Numa palavra: GAY

Ass: Gattaca

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Fim-de-semana # 14

E parece que estes textos sobre os meus fins-de-semana fazem sucesso... E por isso cá está:

Sexta-feira saio da rádio perto das 24h30 e sigo para casa da Ziggy onde estava a decorrer o seu jantar de aniversário. Quando chego dou de caras com uma mesa cheia de comida, mas mesmo muita comida, e algumas garrafas de vinho. Comece a festa!
Como o presente foi comprado a 3 e as outras duas pessoas já lá estavam a urgência foi dar o presente. E eu só queria beber. É que a transição rádio/festa foi muito rápida e ainda não tinha tempo para esquecer o trabalho.

Presente dado, vamos beber... E lá vieram os cosmopolitans e como seria de esperar ois brindes!... Portanto feitas as contas foram 4 cosmo e garrafa e meia de vinho. Tudo isto misturado com muitas fotografias, body combat (ora não fosse a Ziggy uma fanática da modalidade), cadela a ladrar, comida, amendoins (muuuiiittttooos), músicas (até direito houve a Rafaela Cara), pinturas (porque havia uma tela para pintar no hall), conversa, anedotas, danças, idas à casa-de-banho (porra esqueci-me de fotografar), idas à cozinhas... Em suma: asneiradas. O mais giro de tudo isto é que eu não me sentia minimamente alcoolizado e por isso fui bebendo.

05h30: Todos para casa. E lá venho eu... Chego a minha casa perto das 06h. Sei disto porque, sabe-se lá porquê, tenho uma foto no meu telemóvel do conta-quilómetros do carro e apanha o relógio.
E aqui começa a festa. Pois se em casa da Ziggy estava muito bem, não sei que aconteceu na minha mas comecei a ficar muito mal disposto. Ai tão mal disposto... Pois acho que vou vomitar... Ah pois vou. E lá fui eu. Remédio santo. E desta vez o assunto ficou arrumado em apenas uma ida à casa-de-banho. Normalmente são duas ou três. Devo estar a ficar mais adulto... lol

Sábado acordo perto das 12h, mas só começo a dar sinais de vida mental depois das 14h. Recebo uma sms do PM a perguntar se queria ir a Step. Enviou outra a perguntar as horas da aula. Ele diz que é por volta das 18h. Não sei que voltas dei nos entretantos mas sei que acabamos a falar ao telemóvel. Eu sem saber muito bem que fazer ou combinar. Sabia apenas que estava super agoniado e que só de pensar em vinho ficava bêbado outra vez. Pior ficava quando me lembrava que ia ter um jantar nessa noite.

Roupa a lavar e pouco mais consigo fazer em casa nessa tarde. Acho que ainda arrumei umas coisitas. Ligo ao Dudu para saber se ele queria ir comigo à Fnac para trocar a máquina fotográfica que tinha comprado. Combino com ele perto das 16h. Quando estava a entrar na banheira liga-me o Fred e o Xrl8. Vinham cá a casa um bocado. Disse que sim, mas que estava com pressa. O objectivo deles era convencer-me a ir ao Lux nessa noite. Ia pensar...
Como seria de esperar saí de casa já passavam 15m das 16h. Ligo ao Dudu, por ele tudo bem

Chego à casa dele, perto das 16h45, que é na outra ponta da cidade. Vamos verificar se estava tudo na caixa. E não estava! Lá voltamos a minha casa procurar o que faltava. Carro mal estacionado e venho a correr escadas acima.. A aula de step ficou mesmo esquecida. Não havia tempo. Envio sms ao PM a dizer.
Tinha uma vaga noção que o cartão de memória estaria na mesa de cabeceira. Não estava. Num momento de génio arrastei a cama, não fossem as gatas terem feito merda. E lá estava ele.

Corro para o carro. E lá vamos nós rumo ao Chiado. O trânsito um caos. Curiosamente consigo estacionar o carro à primeira, perto dos Storytaillors. Bem... Resumindo, máquina trocada e tal, vamos beber um chá rápido com a Carla que trabalha ao lado da Fnac. Eu começo a ficar com fome. Até perto das 18h só tinha conseguido comer duas torradas e um chá. 18h20 vamos em direcção ao carro.

Dudu em casa, ligo à Mipo com quem ia jantar. “Queres que te apanhe em casa?”. Sim, respondeu ela. Lá vou eu. Alguns minutos depois Mipo no carro. “Como é? Jantamos em casa ou na rua?”... Casa é uma resposta arrancada a ferros. Vamos ao Lidl comprar comida. No Lidl pergunto, porque não íamos jantar fora. Ficamos novamente na dúvida. Casa é a resposta. Compras feitas, vimos para minha casa. Compras arrumada, pergunto novamente, “é mesmo para jantar em casa?”. O grande problema no meio disto tudo é que não queria uma grande noitada porque estava super cansado e algo desfeito da véspera, de qualquer forma não jantava fora de casa há muito tempo. É que a bebedeira da véspera não estava nada nos planos e veio baralhar esta cabeça já confusa por nascença.

21h30 estamos sentado à mesa do Mamma Rosa. Carpaccio, Pizza de Atum (que não sei dizer isto em italiano), uma massa qualquer para a Mipo, dois jarros de sangria tinta e 4 café. É isto que surge na conta. O mais curioso é que não me sentia nada incomodado com o álcool, embora ainda tenha dito que não ia tocar no segundo jarro. Sou tão ingénuo.

Saímos e vamos para as primas jogar matraquilhos e beber cervejas. Ao terceiro jogo tínhamos dois gajos a meterem-se connosco por causa da Mipo. A moça fez sucesso. Quando acabam os jogos pensava eu que me ia ver livre dos gajos. Enganei-me. A Mipo também gostou de um deles. E lá fomos com eles para um bar manhoso qualquer. Aí começam a dizer que queriam ir ao Jamaica. Eu achava que era um mau dia, que gosto do Jamaica à quarta ou quinta. Mas lá fui eu...Lá dentro acontece algo que nunca pensei ver, mas gostei! Mesmo! Lol... E ainda me ri um bom bocado, dancei e bebi mais umas 3 cervejas.

03h30 vou ter com a Mipo e digo-lhe que vou para o Lux. E assim foi. Sozinho. Tinha lá a tribo à espera.
E é nesta altura que acontece o melhor da noite. Carro estacionado vou para a entrada. Ligo à Carla que me diz para me dirigir ao lado direito da entrada e dizer o meu nome ao porteiro. Disse-lhe que estava doida. De qualquer forma como estava alegre lá fui eu. Estando a mão ao senhor, digo o meu nome e como resposta ouço “Como vai? Realmente estão à sua espera”. E deixa-me passar. Juro que se tivesse sóbrio lhe ia perguntar: “Mas está bom da cabeça? À minha espera??” Como a alegria era muita agradeci e entrei todo contente. Foi uma galhofa a noite toda com este episódio.

O resto fica para amanhã porque o texto já está enorme. Boa? Isto já é tarde. Tenho de ir dormir porque tenho de colocar o carro na oficina por volta das 09h30. Nem vou rever o texto. As minhas desculpas pelos possíveis erros.

Ass: Gattaca

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

e a festa da menina!


Diz que na sexta-feira houve muito disto... muito brinde, muita bebida e tal!
E também se comeu, se dançou, se fez combat e jam na sala, se jogou wiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!
E se tinha a mesa cheia de coisinhas boas para engordar!!!! e gelado de oreos e natas do céu!
e a Petzi ladrou, ladrou de satisfação por estar no meio da festa!

e foi assim... mais um ano!

bjs
Ziggy

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

Para o fim-de-semana # 5

E pronto, mais uma música parola que o menino gosta. A culpa é do refrão é super orelhudo.


Nicole Scherzinger – “Baby Love”

Todo em românticos, em amores e coisinhas fofas… Lol…

E agora outra dentro do mesmo género e da qual gosto bastante do refrão. Alias bem que podiam fazer outra música a partir dele. Fosse eu músico.


Nicole Scherzinger & Rihanna – “Winning Women”

Ass: Gattaca

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Mensagens Escritas # 4

E todos os sábados que há ginásio é sempre assim: eu envio uma sms para a grupo que vai à aula e espero pelas respostas... Às vezes há, outras nem por isso. Sábado passado foi assim:

SMS enviado: “Nails people are you read? E está ou não está um frio do caralho?”

Recebida Pessoa 1“Tá TANTO FRIO! Tou td mirrado... vou embrulhado no meu edredão... estilo grega pensadora! Hum?”

Recebida Pessoa 2“ “Está! E nao acordaste tu às horas que eu acordei. Tenho as unhas encravadas nao sei se consigo saltar!”

Recebida Pessoa 3“ “Ainda não sei pois o meu ainda se encontra quentinho... Mas quando sentir a temperatura exterior aposto que vai mirrar. Vou ter de usar a nail para desencrustar o caralho”.

A Kikas cagou no assunto e não respondeu nem foi a Attack

Ass: Gattaca

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Loucos

E depois o doente sou eu:



Por acaso faz-me lembrar algumas das minhas viagens para o Meco... Mas normalmente era ao som de Eurovisão. Qualquer dia faço o mesmo que estes...

Ass: Gattaca

WC # 11

Mercearia…

O último jantar neste restaurante foi no aniversário da Catarina. A loucura...

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


Ass: Gattaca

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Copos...

Como não podia deixar de ser o meu fim-de-semana teve os seus momentos altos. Um deles foi a compra de copos. Passo a explicar...

O ano passado deram-me 6 copos para cosmopolitans (sei que também dão para outras bebidas mas assim sempre ficam com uma imagem mais concreta da coisa). Obviamente parti logo dois na máquina de lavar devido às altas temperaturas da água.

Com as minhas manias da perfeição meti na cabeça que tinha de ter 9 copos iguais para todos no jantar de sábado. Por isso depois do almoço e do ginásio comecei a minha verdadeira odisseia em busca dos copos iguais

Pensando eu que os copos tinham sido comprados na Casa, andei doido a tentar descobrir uma Casa. Foi a uma perto da 5 de Outubro, mas como já passava das 14h30 estava fechada. Como estava perto foi ao El Corte Inglês. Realmente existiam, mas não eram iguais.

Eis que me surge uma dúvida. Será que os copos são mesmo da Casa? Ligo a quem mos ofereceu, que me diz que os tinha comprado na Zara Home. Pânico... Onde é que há uma Zara Home sem ser num centro comercial (coisa que eu odeio). Ligo ao Dudu que vai para a Net. O site oficial não diz moradas e ponto final. Outras pesquisas na Net também não dão melhores resultados.

Não sei porque tinha uma vaga noção de existir uma na Guerra Junqueiro. Vai de sair do Corte Inglês, pegar no carro e seguir para a Guerra Junqueiro. Faço a rua toda e nada de loja. Porra... Lá vou eu para o Vasco da Gama, onde de certeza existia uma. E realmente existia. E lá estavam os copos, que comprei.

ALELUIA!! É que não imaginam o peso que com esta compra tirei dos ombros. Gajo vazio eu. Ou então sou mais parecido com a Bree do que gostava.

Desgraçado do Cócó que me acompanhou nesta procura louca.

Fica a foto:

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Curiosidades:

* Afinal não tinha partido dois copos dos originais mas sim um. Logo fiquei com 11 copos em vez de 10.

* Os copos que comprei não são exactamente iguais aos primeiros. Estes novos são maiores. Sempre dá para mais liquido alcoólico.

* Hoje parti mais um copo dos antigos. Lol... É que os cabrões são mesmo frágeis. E logo passei a ter os 10 copos inicialmente pretendidos. Lá se foi a teoria da Carla que é bom ter tudo em impar.

Ass: Gattaca

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Parabéns Ziggy…

Opá… Opá… Ia-me esquecendo, mas aqui vai: PARABÉNS DIRECTORA ZIGGY. E que queremos nós? FESTA…



Viu? Viu???? Os seus meninos…

Ass: Gattaca

Jantar em vermelho

Sábado da semana passada a cor era o azul. No jantar deste sábado foi o vermelho:

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Desta vez as pessoas não foram obrigadas a vir vestidas de vermelho, mas eu curiosamente acabei por vestir uma t-shirt dessa cor.

Como já aqui tinha escrito este foi o jantar de aniversário de segunda oportunidade para os faltosos ao primeiro. Além disso foi também o retomar de uma tradição, que nos últimos 3 meses esteve parada: o jantar do bichedo. Como o próprio nome indica é um jantar onde hetero não entra e só há lugar para quem tem as ideias bem arrumadas quanto a este assunto. Esse gay e ponto final. O núcleo duro e fundador deste ritual é constituído por 5 pessoas. Desta vez foram convidados mais 4 elementos. Somando dá 9 pessoas. Viva a matemática. Por isso teve de ser jantar volante.

Não sendo um gajo que goste de guetos, e sou totalmente contra eles e qualquer opinião ou atitude fundamentalista, gosto bastante destes nossos jantares. Fazem bem à alma. Fala-se de tudo sem qualquer problema ou inibição. Parece que por certas cartas já estarem colocadas na mesa já se podem fazer jogadas mais elevadas e diferentes. E a diversão e boa disposição é sempre uma constante.

Começou às 21h. Acabou poucos minutos depois das 04h. O sucesso de sempre. E vivam os cosmopolitans e o mojitos do Dudu. As quiches do Fred. Os meus serviços e toalhas de mesa. O iPod do PM. Os cigarros franceses do Xlr8. As regras de etiqueta do Sá.

Diz também que houve direito a dança, a música, muito disparate, pipocas no chão, inúmeras conversas na cozinha e muitos brindes. Alias, vim a descobrir que já conhecido como o gajo dos brindes. A fama já me precede.

E pela primeira vez: nem uma única nódoa na toalha. YES!!! Conseguimos!

E a palavra da noite: Cona... Isso mesmo. À pala do Cócó estivemos horas a dizer disparates em torno desta linda palavra.

A todos os meus amigos deste e do outro jantar, um brinde de muito obrigado.

E os 33 anos começaram mesmo muito bem... Espero que continue. Estou a trabalhar para isso.


Ass: Gattaca

PS – E conforme fui escrevendo este texto lembrei-me de que os jantares do bichedo já fizeram 1 ano de idade. Parabéns... E que venham muitos mais.

sábado, 17 de novembro de 2007

Na caixa do correio


Um dia da semana passada correu-me muito mal. Mas muito muito mal.
Há dias maus.
Não sei se é o último dia mau, se apenas o início de mais uma série de dias maus.
De qualquer forma não deixou de ser um dia muito muito mau.
Rebentou a escala do normalmente mau para passar a ser anormalmente mau.
Levei a Petzi à rua e decidi que, com algum temor, ia ver o correio.
Tenho sempre medo de abrir a caixa do correio e ver que de lá sai mais uma carta do banco dizendo que os juros vão aumentar.
Lá dentro estava o senhor Clooney. Ora que não é em carne e osso. Mas depois de um dia anormalmente mau, sabe bem na mesma.

Um tchim-tchim à Nespresso.

Bjs
Ziggy

sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Para o fim-de-semana # 4

Hoje deu-me para o francês. Podia ser bem pior...

Patrícia Kaas…



Zazie…


Este têm de ver até ao fim... Vá...

Etienne Daho...



E agora reparo... Isto foi quase uma viagem ao final da minha adolescência... As coisas eu ouvia eu!

Um presente:



Ass: Gattaca

Harry Potter 7

Já tenho… Já tenho…

Diz que começa assim: “Os dois homens apareceram vindos do nada…”

Diz que termina assim: “Estava tudo bem.”

No meio estão 604 páginas que vou começar a ler hoje.

Já agora. Estou triste com 4 amigos meus (PM, Mipo, Ziggy e Dudu). Nenhum deles alinhou a vir comigo à meia-noite a uma loja comprar o livro. Pronto. Vou chorar…

Ass: Gattaca

quinta-feira, 15 de novembro de 2007

Dormir...

AAAAIIIII… Sabem o que vos digo? Cocó para isto tudo…

Terça-feira à noite chego a casa esfomeado. Um daqueles ataques de fome que costumo ter. Resultado: 3 tostas de carnes frias. Deito-me todo contente e satisfeito.

Quarta-feira. Acordo cheio de dores de barriga. Mesmo… Cheio de frio, arrepios, dores de cabeça, dores de barriga e caganeira… Isso é que foi… A verdadeira alegria… Arrependo-me logo das 3 tostas. As carnes só podiam estar estragadas (e atenção aos trocadilhos).

Chego à rádio por volta das 16h e as coisas começam a piorar… Fui para uma formação de Gmedia. A alegria. Tive de sair 2 vezes da sala. A loucura. Começo a ficar pior pior pior… Às 22h30 finalmente consigo ir para casa.

Milagrosamente consigo estacionar à primeira. Vou para casa e morro no sofá. Acordo perto da 01 e arrasto-me para a cama. Desligo os telemóveis todos, fecho as janelas e adormeço.

Acordei hoje pensando que fossem tipo 11h. Vou à cozinha e faltam 10 minutos para as quatro da tarde. PÂNICO!!! Entro na rádio às 16h30!!
Só que o mais estranho foi o primeiro impacto com o relógio. Ele é com ponteiros e não com dígitos. E penso: “mas espera lá. São 3 da manhã? Mas vem luz da janela…. Queres ver que o relógio avariou? Ficou sem pilhas? Não podem ser 4 da tarde”. E eram mesmo…

Portanto pela primeira vez na vida acho que dormi mais de 15h e acordei na maior sem dores de cabeça nem nada. É que quando durmo mais de 8h acordo resmungão, com dores de cabeça e irritado.

Ass: Gattaca

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Mega-Donuts

Chamaram-me às 13:00 horas em ponto para me entragar uma caixa enorme.

Pensei... presentinhos!

Cheirava-me a bola de berlim.

Abri a caixa e saiu um Donuts Gigante. Imaginem um Donuts, mas em tamanho XXXL. Com o diâmetro de um bolo de aniversário normal.

Sluuuuuuuuuurrrrrp!

Era um presente para comemorar o lançamento do jogo dos Simpsons!

Lamento não ter fotografias, mas o Donuts Gigante foi imediatamente devorado pelos curiosos.


Bjks
Ziggy

PS: Foi isto que sobrou!!!!!!







PS2 (de 14 de Novembro): depois de tirar a fotografia... comi o resto!!!!!

“Come What May “

Não sei porquê mas ontem ao final da noite não parei de
ouvir a Kidman e o McGregor a cantar… Culpa do shuflle do
iPod.



“Never knew I could feel like this
Like I've never seen the sky before
Want to vanish inside your kiss
Every day I love you more and more
Listen to my heart, can you hear it sings
Come back to me, and forgive everything
Seasons may change, winter to spring
But I love you until the end of time

[Chorus:]
Come what may
Come what may
I will love you until my dying day

Suddenly the world seems such a perfect place
Suddenly it moves with such a perfect grace
Suddenly my life doesn't seem such a waste
It all revolves around you
And there's no mountain too high
No river too wide
Sing out this song and I'll be there by your side
Storm clouds may gather
And stars may collide
But I love you until the end of time

[Chorus]

Oh, come what may, come what may
I will love you, I will love you
Suddenly the world seems such a perfect place”


Ass: Gattaca

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Guarda-Chuva, uva uva..

Realmente já cá faltava… A desgraçada… Mas apenas vale apena pelo primeiro minutos e doze segundos.

Delirante…



Amo quando lhe começam a atirar com a água… Não consigo parar de rir…

Ass: Gattaca

Aniversário em (algumas) imagens...

Foi das melhores festas de aniversário que tive. Mesmo... Os 33 começaram da melhor forma. A todos os que vieram (não faltou um único convidado) o meu ENORME obrigado.

O único mau imprevisto foi a saída abrupta do PM da festa, mesmo antes dela começar.

Uma pequena explicação. O Azul foi a cor escolhida para a festa: decoração, roupas...

Por agora as imagens... Para breve a descrição da mesma e do fim-de-semana.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
A saída do Lux no Sábado às 07h. Calderone razoável, Vibe brutal. A caminho do carro.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
O início do jantar. Passavam poucos minutos das 21h. Tudo muito calmo.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
A mesa pirosa e decorada em tons de azul.


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
A espectacular sangria de champanhe e frutos vermelhos (feita pelo Efe) já decorada pela Mipo! A noite já ia avançada sim...

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
Esta é a última que pode ser mostrada. Já se dançava e cantava na sala...O caos estava instalado na casa toda.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
O jantar calmo em casa do PM com os restos da noite anterior. O vinho (sobra também) era fabuloso.

De qualquer forma também não tirei muitas mais fotos. Primeiro porque me esqueci conforme ia bebendo mais e mais. Depois porque tinha de dar atenção às pessoas e tratar das comidas e tal. E por último porque mais duas pessoas tiraram fotos: Mipo (ainda utilizando rolo “normal”) e a Kat... Estou para ver. M:E:D:O!!

Ass:Gattaca

sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Para o fim-de-semana # 3

Não é nenhuma pérola e tal, mas eu gosto muito desta música. E do vídeo… Deve ser dos lasers, do moço, da química do casal, da boa onda de festa…


(Sonique – “Sky”)

E já agora uma questão: porque raio não existe em Lisboa uma única discoteca com um bom jogo de raios lasers? Ou mesmo apenas um? Hum?

Ass: Gattaca

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Imagens # 48

E a festa dos 33 começou ontem...

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Depois do concerto dos Blonde RedHead e Interpol, cervejas na rua e brownie no Hard Rock. Deve ter sido a segunda vez que lá fui. É caro como tudo...

Hoje já houve corte de cabelo e ida ao Chiado. Logo à noite jantar com a mãe, irmãs e sobrinhos.

Sexta, Lux com DJ Vibe e Vitor Calderone

Sábado: jantar em casa para amigos

Sábado seguinte: jantar em casa para os amigos faltosos ao primeiro jantar.


Ass: Gattaca

Parabéns sr. director Gattaca!!!



Bjs
Ziggy

quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Donas de Casa Desesperadas # 18

"O Mundo está cheio de bons pais.


Como sabemos quem são?

São aqueles de quem sentimos tanta falta que o mundo inteiro se desmorona quanto não estão;
São aqueles que nos amam muito antes de aparecemos;
São aqueles que vêm à nossa procura quando não encontramos o caminho para casa.

Sim, o mundo está repleto de bons pais.

E os melhores são os que fazem com que as mulheres das vidas deles se sintam boas mães.”


Ass: Gattaca

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Les Chansons D’Amour # 3

E pronto... Tornou-se mesmo vício... Juro que vou tentar deixar de escrever sobre o filme.

As-tu déjà aimé, pour la beauté du geste?

Esta foi a segunda frase que me desarmou por completo.

Aqui fica a letra completa da música em questão:

"As-tu déjà aimé
pour la beauté du geste?
As-tu déjà croqué
la pomme à pleine dent?
Pour la saveur du fruit
sa douceur et son zeste
T'es tu perdu souvent?

Oui j'ai déjà aimé
pour la beauté du geste
mais la pomme était dure.
Je m'y suis cassé les dents.
Ces passions immatures,
ces amours indigestes
m'ont écoeuré souvent.

Les amours qui durent
font des amants exsangues,
et leurs baisers trop mûrs
nous pourrissent la langue.

Les amour passagères
ont des futiles fièvres,
et leur baiser trop verts
nous écorchent les lèvres.

Car a vouloir s'aimer
pour la beauté du geste,
le ver dans la pomme
nous glisse entre les dents.
Il nous ronge le coeur,
le cerveau et le reste,
nous vide lentement.

Mais lorsqu'on ose s'aimer
pour la beauté du geste,
ce ver dans la pomme
qui glisse entre les dents,
nous embaume le coeur,
le cerveau et nous laisse
son parfum au dedans.

Les amours passagères
font de futils efforts.
Leurs caresses ephémères
nous faitguent le corps.

Les amours qui durent
font les amants moins beaux.
Leurs caresses, à l'usure,
ont raison de nos peaux."




Ass: Gattaca

WC # 10

Efe: diz que costumo cumprir as minhas promessas. Cá está... Lembras-te?

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket


Ass: Gattaca

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Mensagens Escritas # 3

É curiosa a vida!

Aqui no blog tenho falado muito no Amor (viva a originalidade da coisa). E hoje recebi esta sms:

"Queria dizer q embora falemos pouco, eu GOSTA TU Castelinho :) Bjocas"

Apanhou-me completamente desprevenido. E vindo de quem vem...

Fiquei com o dia feito.

TB GOSTA MUITO TU!

Ass: Gattaca

Les Chansons D’Amour # 2

Esta é a frase original que me deixou arrebatado:

"Aime-moi moins, mais aime-moi longtemps"

Ass: Gattaca

PS - Obrigado PM. Agora já só falta a outra.

Pensamentos, Dúvidas e Comentários # 104

Será que apenas acontece comigo? Por mais que me esforçe existem letras de músicas que eu não consigo entender... Agora não me lembro de nenhum exemplo em concreto, mas que existem, existem!

Ass: Gattaca

Les Chansons D’Amour

“Ama-me menos, mas ama-me por mais tempo...”

Este é uma das últimas frases do filme “Les Chansons D’Amour”. Numa palavra: soberbo.

De qualquer forma confesso que a determina altura ia adormecendo (perto do início), mas depois de uma cena específica (que não vou dizer qual é para não estragar o filme) acordei.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Louis Garrel está lindo de morrer... Mesmo... Era gajo para me levar ao altar de vestido branco e flor de laranjeira! Lol... A Chiara Mastroianni também cada vez mais bonita e segura. Com ela já teria de pensar duas vezes sobre a questão do altar!

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

As ruas de Paris são o palco perfeito para os sentimentos e momentos vividos nos filme. As cores escolhidas...

As músicas geniais. Destaque mais que especial para “Au Parc” interpretada pela Chiara. De ficar com o coração pequeno ao perceber a dor de quando se perde alguém especial.
Só uma delas é que é desprovida de qualquer interesse ou sentido e sem acrescentar nada ao enredo. Não me lembro do nome, mas sei que era nessa que ia adormecendo.

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Várias são as sequências magnificas e de uma cenografia linda de tão básicas e simples que são. A cantiga ao telemóvel entre os dois meninos é linda. Assim como a primeira vez que cantam em conjunto.

E assim se fala de amores e desamores de uma forma diferente, mas inteligente! (que frase horrível esta)

Para mim um dos filmes do ano. Sem dúvida!



Ass: Gattaca

sábado, 3 de novembro de 2007

É Natal?

É Novembro. As luzes de Natal estão acesas lá fora. As montras têm renas, pais-natal e presépios. Há árvores cheias de enfeites...
...
e os bombeiros andam a apagar fogos.

Há qualquer coisa neste cenário que não está correcta.
Já nem o Natal é o que era.

Bjs
Ziggy

sexta-feira, 2 de novembro de 2007

Noite!

Caralho para esta porra... Ainda não são 6 da tarde e já é noite cerrada! ODEIO ISTO... Onde está a luz´? É horrível trabalhar assim. Eu sei que trabalho no último turno, mas ainda assim não percebo que mãe Natureze no diga isso desta forma!

De qualqquer forma hoje descobrir através daquele grande programa de TV "While You Are Out" que em Las Vegas às 16h já é noite cerrada também... Estranho não é?

Ass: Gattaca

Imagens # 47


Se eles o dizem quem sou eu para afirmar o contrário...

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Nunca experimentei mas confesso que tenho alguma curiosidade. O máximo que fiz foi mesmo faze-lo (lida expressão) algo bebido ou em ressaca. lol. Mas enquanto há vida há esperança.

Estou viciado na quarta série do “Nip/Tuck”. Alias estava... Vi os 15 episódios em 4 dias... Realmente assim o dinheiro nao rende e a coisa não dura...


Ass: Gattaca

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Ao Anoitecer

Ontem fui ao cinema… “Ao Anoitecer”

Gostei, embora o filme pudesse ter ido muito mais longe.

Acho que a culpa foi da má direcção de actores. Várias vezes parece que as câmaras e os actores estão meios perdidos nas cenas sem saberem muito bem para onde ir ou o que fazer. A edição também deixa algo a desejar

Acho que o grande trunfo está mesmo no elenco de luxo. Acho que nunca vi tantas estrelas juntas no mesmo filme: Claire Danes, Toni Collette, Vanessa Redgrave, Natasha Richardson, Eileen Atkins, Glen Close, Meryl Streep, Patrick Wilson,

O argumento seguro… (co-assinado por Michael Cunnigham)
Um elenco de 5 estrelas.
Banda sonora razoável.

Em suma, uma tentativa de fazer um novo “As Horas”, mas que infelizmente falhou…

Ainda assim obriga-nos a pensar sobre a vida… Felicidade, erros, tentativas, futuro, amor, amizade, relações... E pensamos muito… Muito… E as lágrimas começam a sair dos olhos… Vagarosamente…



De cortar a respiração a cena entre Vanessa Redgrave (a mãe) e Natasha Richardson (a filha), que na vida real também o são.

Ass: Gattaca

Feriado...

E pronto... Lá me calhou mais um... Trabalho trabalho... E com este já é o quinta feriado consecutivo que venho para a rádio. Haverá luz ao fundo do túnel?

Ass: Gattaca