terça-feira, 31 de outubro de 2006

Amigos…

A cidade está cada vez mais pobre… Mesmo… Cada vez são mais as pessoas que me são próximas que saem da cidade. Umas regressam às origens, outras apostam no estrangeiro (sendo que esta opção é a mais procurada pela maioria) … A cidade é que perde! E eu fico cada vez mais triste. Ainda hoje fiquei a saber que duas pessoas de quem gosto muito (uma mais que a outra) vão regressar para o Brasil… É cada vez mais estranho!

Ass: Gattaca

segunda-feira, 30 de outubro de 2006

“The Devil Wears Prada”

Confesso que ia de pé atrás quando a Ziggy me perguntou se queria ir com ela ao cinema ver este filme. Para mim o único atractivo era a deusa Meryl Streep. Aceitei.

Photobucket - Video and Image Hosting

12h00 – Combat

13h30 – Saída do ginásio em direcção ao Monumental

13h45 – Almoço

14h20 – Entrada na sala de cinema.

Photobucket - Video and Image Hosting

Quando saí da sala de cinema estava bem disposto. Fui surpreendido. Afinal não era tão mau como esperava. Não era um “Coyote Bar” para adultos. É sim uma versão dos anos 2000 do velhote “Working Girl”. E se gostei muito do “Working Girl”! Realmente os anos 80 foram tão bons. Tudo era possível, não havia crises mundiais, o futuro era risonho e sem dramas. Mas tudo isso faz parte do passado.

Photobucket - Video and Image Hosting

Para mim a Meryl Streep merece no mínimo uma nomeação para a categoria de Melhor Actriz nos próximos Óscares. Simplesmente brilhante e exemplar. Mais de metade do filme é ela.

De qualquer forma não está sozinha. Todo o elenco está 5 estrelas, perfeito. Destaque também para Anne Hathaway e Emily Blunt

Nova Iorque a brilhar no ecran e a ser radiosa. Também não seria de esperar outra coisa, já que David Frankel (o realizador) foi o realizador de vários episódios de “O Sexo e a Cidade”.

Quanto ao final não compromete. É o final feliz, sem ser lamechas, embora tenha uma mancha… Não posso é dizer qual é.

Um dos momentos que mais gostei foi mesmo no fim, quando Andy vê Miranda no outro lado da rua e ambos os olhares se cruzam. E em apenas 2 segundos tudo é arrumado na vida de ambas… Lindo…

A Banda Sonora está cheia de êxitos radiofónicos. Só temas da Madonna são dois. LOL…

Em suma, não sendo nenhuma obra prima, merece uma ida ao cinema numa tarde de domingo.

Ass: Gattaca

The Gift - Fácil de Entender

"Os The Gift vão lançar um novo disco “Fácil de Entender”, no próximo dia 30 de Outubro. O conceito deste disco não é o de um tradicional disco ao vivo… “ Trazer as pessoas à casa dos Gift... A ideia era a de dividir este conceito em duas noites diferentes.Na primeira noite a casa estava mais arrumada, paredes brancas, minimais, a musica a condizer com estas nuances... Na segunda noite a casa explode, as paredes forram-se de espelhos e os Gift desforram-se da noite anterior onde tudo parecia calmo e tranquilo. As canções são mais cruas, remisturadas, com mais côr. Esta casa dos Gift poderia bem ser um clube numa cidade qualquer…”

"Esta edição especial numa caixa digipack, com capa dura, contém o seguinte: 2 CDs com gravação ao vivo + 3 temas inéditos + DVD com concerto gravado em estúdio e, como extras, imagens do concerto nos Coliseus de Lisboa e Porto e imagens da tourné. Inclui também um book de 48 páginas com fotos da banda."

Photobucket - Video and Image Hosting

JÁ CÁ CANTA... Desde sexta-feira e nos dois dias do fim-de-semana serviu-me de banda sonora. É uma verdadeira pérola. De um cuidado imenso, uma produção fabulosa, uma fotografia soberba... Essencial... E genial é ver e ouvir a nova vida de temas dos álbuns antigos.

Ass: Gattaca

Donas de Casa Desesperadas # 10

“Competição.

Significa algo diferente para pessoas diferentes.
Quer seja uma rivalidade amigável ou uma luta até à morte, o resultado é sempre o mesmo...

Haverá vencedores;
E haverá vencidos.

Claro que o truque é saber que batalhas travar.
É que todas as vitórias têm um preço.”

Ass: Gattaca

quinta-feira, 26 de outubro de 2006

Beck




A minha música do momento... "Cellphone's Dead" do novo álbum "The Information". Sim!?!? Porque aqui o menino não gosta só de merda como Paris Hilton, Festivais e afins... Também tenho a minha veia erudita.

Ass: Gattaca

Diário de um Aquário #7

E eles morrem… LOL… Alias a primeira leva já morreu toda. Até a porra dos limpa fundos (que todos dizem durar uma vida) se foram. Já tive de abastecer novamente o aquário com novos inquilinos. Aproveitei e remodelei toda a decoração. Qualquer dia espero conseguir colocar aqui fotos…

Ass: Gattaca

quarta-feira, 25 de outubro de 2006

Donas de Casa Desesperadas # 9

“Os Humanos são criaturas complicadas.

Por um lado, conseguem realizar actos de caridade,
E por outro, conseguem realizar as traições mais sorrateiras .

É uma batalha constante que se trava dentro de nós.
Entre as qualidades mais angélicas da nossa natureza,
E a tentação dos nossos demónios interiores.

E, por vezes, a única maneira de resistir ao mal,
É deixar a compaixão vir ao de cima.”

Ass: Gattaca

The end...

"Look at me
Here is my melody
It's not a symphony
Sounds like the end to me
Sounds like the time we spent
Sounds like the end... always end
Sounds like the time we kissed
Sounds like all good we missed
Sounds what it means to be
It's not a symphony
Sounds what it means to be
It's not a symphony
And every time
I lay down in my bed and rest down my head
I wait for the end
I don't know what I've yearned
Don't know what I've expected
Cause the end it's always the end"

(The Gift)

Ass: Gattaca

terça-feira, 24 de outubro de 2006

Noody

Mas será que alguém me consegue explicar o que vêem o raio das crianças no Noody?

É uma obsessão até o meu sobrinho já foi apanhado pela febre. Com dois anos o moço já sabe ligar a televisão e o DVD. E enquanto não começa o episódio fica sentado no sofá. Passados alguns minutos de aventura levanta-se e vai para a sua vida. Mas desgraçado de quem se atrever a desligar o DVD!!!

E para festejar a grande alegria o meu sobrinho já foi conhecer o Noody ao vivo (num supermercado qualquer) e o bolo de aniversário deste ano tinha um Noody desenhado.

SOCORRO!!

Ass: Gattaca

Presentes dos 32

E para que ela não desapareça cá vem a lista para cima... LOLOL...

Pois é, a vida não pára… Mesmo… E por isso cá vai uma listinha. E meus amigos falta menos de um mês para o dia…


DVD “Lost” – série
DVD “Nip Tuck #3” - série
DVD “X-Men #3” - filme
DVD “Roma” – série
DVD “O Código Da Vinci” - filme
DVD “O Tempo que Resta” - filme
CD "Ray of Light - Madonna
DVD "Smallville # 1" - série
DVD "Smallville # 2" - série
DVD "Harry Potter # 4" - filme
DVD "Breakfast on Pluto" - filme

E agora os impossíveis de conseguir…

Nokia N73
Máquina de Café Nespresso
Máquina Fotográfica Digital
Swatch Scuba

E já agora, aceito ideias para a festa de aniversário... Ideias precisam-se urgentemente...

Ass: Gattaca

PS1 - A primeira vez que coloquei a lista foi a 12/10/06
PS2 - A segunda vez que coloquei a lista foi a 16/10/06

segunda-feira, 23 de outubro de 2006

Pensamentos, Dúvidas e Comentários # 63

Descobri que o melhor tratamento de beleza é a bebedeira!

Quando estou com uns copos a mais, toda a gente me elogia:

"Tás bonito, tás..."

Ass: Gattaca

sábado, 21 de outubro de 2006

sexta-feira, 20 de outubro de 2006

Imagens # 31

Esta carrinha carrinha Mercedes-Benz amarela foi o primeiro carro de exteriores da RTP. É da década de 50 e recentemente foi restaurada numa oficina da Mercedes, na Alemanha. Depois do restauro esteve alguns dias parada aqui no estacionamento do edifício.

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Photobucket - Video and Image Hosting

Não é uma maravilha?

Ass: Gattaca

quinta-feira, 19 de outubro de 2006

Bem-vindos! # 13

Muitas mexidas… Muitas muitas muitas… Foram mais as saídas que as entradas, mas também a vida é assim… E este texto é sempre para os sócios mais distraídos!

Desta vez incluímos nos Clubes Amigos:

Abenakis
Eu no Cu Não Aprecio

Dissemos adeus a:

Doces Tempos
Mindtrap
From Nokia With Love
Epistolas Estrábicas
Life From Inside

Nos Clubes de Interesses incluímos:

Aldo Fights AIDS
Wallpaper
Arena Lounge
Lux
Undiablanco

Beijos e abraços a todos...

A Direcção:
Gattaca & Ziggy

Absolutely Fabulous

Ski Trip




Simplesmente AMO estas duas... Não dá para explicar... Anos depois de ter visto pela primeira vez os episódios ainda me riu feito parvo... "things!!! things!!!", "Lacroix sweety"...

Ass: Gattaca

quarta-feira, 18 de outubro de 2006

Imagens # 30

Adoro esta foto… Muito mesmo…

Photobucket - Video and Image Hosting

Acho que é fácil de entender o porquê! Acho que olho para ela e fico com alguns ciúmes de nunca conseguir vir a fazer isto. Sim, porque posso ter muitos macacos arrumados no sótão, mas nunca fui muito militante, activista ou pioneiro… Quem sofre com isto sou eu mesmo!

A foto é da autoria do Garoto de Lisboa e foi tirada em Oslo.


Ass: Gattaca

Bolhas nos pés ....também!!! e não só!

É verdade, admito que eu e o Gattaca somos TARADOS! Totalmente anormais.
Mas a mim soube-me bem.

A minha maratona de fitness:

11:20 - Master de Hidro (Hidro Jump, Hidroginástica, Hidro Combat)
13:40 - Body Combat
17:00 - Body Combat
18:00 - Body Step.

Nem sentia os pés quando o dia acabou... e MALDITOS ténis da Nike que me dão cabo dos dedinhos. Além das bolhas, tenho os dedos esfolados.
Achei estranho não sentir o corpo dorido... dois dias depois, estou com uma valente carraspana e a tomar antibiótico.
A minha mãe bem me avisou que isto ia dar M****.

Beijos.
Ziggy

PS: VOCÊS NÃO SABEM A ANEDOTA QUE EU SOU A FAZER STEP.... AHAHAHAHAHAHA! Morrer a rir.

terça-feira, 17 de outubro de 2006

Bolhas nos pés!

Pois tenho duas bolhas no pé direito e mais duas bolhas no pé esquerdo. E sabem porquê? Porque eu e a Ziggy devemos ser tarados…

Pois que no passado sábado às 12h10 estava a fazer uma aula de attack
Às 13h40 uma aula de combat.
Às 17h00 outra aula de combat
Às 18h00 uma aula de step.

Certo é que fiquei a conhecer as coreografias novas destas três modalidades. Uma verdadeira alegria. E sempre foi um sábado super saudável e atlético.

Nos dias seguintes tinha o corpo todo dorido e as putas das bolhas nos pés!

Ass: Gattaca

Se fossem todos comer no…

"A crise acabou !".

O Orçamento de Estado para 2007 já foi anunciado.
Quem é solteiro vai pagar mais IRS assim como alguns deficientes.
A gasolina vai custar mais. Os cigarros, o álcool e os automóveis também. Vão surgir taxas de internamento nos hospitais para toda a gente (5 euros á hora). A maior parte dos medicamentos deixará de ser compartecipada, tornando-os mais caros.
Foi hoje anunciado que a electricidade vai aumentar 15,7% apenas para os consumidores domésticos. A culpa é da liberização, dizem…
E não era o PS e este Governo que diziam que não iam aumentar os impostos?

E depois vem o sacana do Ministro da Economia dizer à boca cheia que a crise acabou em Portugal. Acho que é preciso ter lata e descaramento.

É uma vergonha!

E é nestas alturas que me arrependo de ter saído de casa da minha mãe.

O mais giro disto tudo é, que por viver sozinho e ser solteiro tenho de ter 2 empregos para ter uma vida minimamente decente. Mas por isso mesmo vou pagar mais de IRS. Simpático não é?

Ass: Gattaca

sexta-feira, 13 de outubro de 2006

Françoise Hardy



Françoise Hardy - La Maison Où J'ai Grandi

“Quand je me tourne vers mes souvenirs,
je revois la maison où j'ai grandi.
Il me revient des tas de choses:
je vois des roses dans un jardin.
Là où vivaient des arbres, maintenant
la ville est là,
et la maison, les fleurs que j'aimais tant,
n'existent plus.
Ils savaient rire, tous mes amis,
ils savaient si bien partager mes jeux,
mais tout doit finir pourtant dans la vie,
et j'ai dû partir, les larmes aux yeux.
Mes amis me demandaient: "Pourquoi pleurer?"
et "Couvrir le monde vaut mieux que rester.
Tu trouveras toutes les choses qu'ici
on ne voit pas,
toute une ville qui s'endort la nuit
dans la lumière."
Quand j'ai quitté ce coin de mon enfance,
je savais déjà que j'y laissais mon cœur.
Tous mes amis, oui, enviaient ma chance,
mais moi, je pense encore à leur bonheur.,
à l'insouciance qui les faisait rire,
et il me semble que je m'entends leur dire:
"Je reviendrai un jour, un beau matin
parmi vos rires,
oui, je prendrai un jour le premier train
du souvenir."
La temps a passé et me revoilà
cherchant en vain la maison que j'aimais.
Où sont les pierres et où sont les roses,
toutes les choses auxquelles je tenais?
D'elles et de mes amis plus une trace,
d'autres gens, d'autres maisons ont volé leurs places.
Là où vivaient des arbres, maintenant
la ville est là,
et la maison , où est-elle, la maison
où j'ai grandi?
Je ne sais pas où est ma maison,
la maison où j'ai grandi.
Où est ma maison?
Qui sait où est ma maison?
Ma maison, où est ma maison?
Qui sait où est ma maison? ...”

1966… Como todos sabem ainda não era nascido, mas curioso é que é um dos temas da minha adolescência graças à minha mãe que era fã desta senhora. E em miúdo fartei-me de ouvir esta música…
É como pequenas memórias como estas que chego à conclusão que nunca poderia ser uma pessoa normal.
E assim também se explica a minha paixão pela língua francesa...

Ass: Gattaca

quinta-feira, 12 de outubro de 2006

A desilusão

Foi sem dúvida uma das maiores desilusões cinematográficas do ano.

Photobucket - Video and Image Hosting

*Onde está o toque Almodôvar?
* Onde está a irreverência e a forma especial de contar uma história básica a que Pedro Almodôvar nos habituou?
* Será que entrou em piloto automático?
* Que importância teve o restaurante na história?
* Demasiado tempo perdido com nada
* Penélope Cruz a forçar de mais a imagem à Sofia Loren. Demasiado artificial.
* E que raio de playback foi aquele?? Era mesmo necessário????
* Nota 5 para o resto do elenco

Que saudades tenho do “Ata-me”, “Mulheres à Beira de Um Ataque de
Nervos”, “Em Carne Viva”, “E a Tua Mãe Também”.

Ass: Gattaca

8º Aniversário # 3

Olha eu mascarado de gigolo...

Photobucket - Video and Image Hosting

Não se conseguem ver alguns promenores importantes, mas dá para ficar com uma ideia.

Ass: Gattaca

quarta-feira, 11 de outubro de 2006

8º Aniversário # 2

Sobrevivi… Mas com uma ressaca pequenita, embora envolta numa dor de cabeça horrível. A sorte foi que a partir das 06h comecei a beber água. Saí de lá perto das 09h30. Foi tão giro… Tão giro… O espaço estava bem imaginado e conseguido, o ambiente mais solto e liberto que o habitual, resultado do dress-code obrigatório Fellini/Almodôvar.

Mas até lá chegar foi uma festa. Passo a relatar.

Durante toda a semana estive a dizer que não ia, logo não me preocupei com a roupa. Devido à insistência da Carla (que sabiamente não me largou até eu dizer que sim) é no próprio dia que decido que afinal vou. DRAMA: O QUE VESTIR. Depois de muito pensar lembrei-me do “Ata-me” e fui comprar umas cordas de sisal para me atar e uma camisa branca. A ideia era ir de camisa branca, calças de ganga com dobra para fora, sapatos “à homem”, casaco de cabedal, atar-me com a corda e fazer alguns cortes na cara para imitar o António Banderas.

Para isto tinha de ir a casa da minha mãe para ir buscar alguns adereços. Depois ia para o Chiado vestir-me a casa da Mipo e íamos os dois para a festa. Saio da rádio e vou a linda-a-velha. Quando lá estou recebo uma chamada a Mipo a dizer que estava doente e por isso não podia ir. Ligo à Carla a perguntar onde estava pois precisava que me atassem. Ela estava em casa de uma amiga em Carnaxide e ia-se preparar lá. Portanto para quem não sabe, Carnaxide fica a 5 minutos de Linda-a-Velha. Como nunca nada é fácil eu antes de ir para Carnaxide tinha de passar por minha casa para ir buscar outros adereços e o convite. Logo na pratica o que fiz? Rádio (chelas) até Linda-a-Velha. Linda-a-Velha até Alameda (casa). Depois Alameda até Carnaxide.

Quando finalmente consigo chegar a casa da tal amiga já era perto da 01h. A esta hora começam as chamadas e as sms a relatar o caos que se vivia à porta da festa…

Resumindo rapidamente… Acabei por ir vestido de outra forma porque as meninas do grupo acharam melhor. Ia com ar de gigolo rasca. Só chegamos à festa já passava das 4 da manhã e por isso já não existia a tão comentada fila. Foi logo cumprimentar o Miguel e entrar. Sem esperas. Lá dentro já estava tudo “fodido”. Realmente é giro ver as coisas sóbrio. Depois não bebi muito porque não queria repetir o que aconteceu o ano passado. Bebi uns 3 ou 4 vodkas redbull e depois passei para as águas. De químicos redondos nada. Apenas alguns cigarros franceses para alegrar. Muito passeio, muita conversa, muito dançar, muito riso, muito desencontro.

Uma noite muito simpática e diferente…

Ass: Gattaca

(este texto não foi revisto. Desculpem as gralhas e os erros.)

terça-feira, 10 de outubro de 2006

8º Aniversário

Não ia não ia… Mas lá vou eu. Conseguiram convencer-me

Finalmente consegui lembrar-me de uma fatiota mais ou menos gira para o dress-code exigido.

Amanhã, se sobreviver, conto tudo…

Ass: Gattaca

segunda-feira, 9 de outubro de 2006

Reminder - para memória futura!

Ao director Gattaca,
À nossa convidada Vera LaChapelle Viking,

No dia 14 de Outubro, o próximo sábado, estamos inscritos no Open Day do HP 5 Outubro -
Aula de Body Combat às 13:40.

Estamos em lista de espera, informação que só me confirmaram hoje (segunda-feira) para uma Master de Hidro às 11:20. Na sexta-feira saberemos se passamos à aula ou não.

Verinha: não te esqueaças do atestado!
Gattaca: não troques os ginásios!

Beijos.
Ziggy.

PS: Aos outros sócios, desculpem esta agenda pública... mas assim ninguém se esquece!!!

sexta-feira, 6 de outubro de 2006

Donas de Casa Desesperadas # 8

“A morte é inevitável.
É uma promessa que nos fazem ao nascermos.
Mas antes de ser cumprida,
todos temos esperança que nos aconteça alguma coisa...

Quer seja a excitação de um romance,
a alegria de constituir família,
ou a angústia de uma perda irreparável.

Todos queremos ter uma vida com sentido.
Mas infelizmente nem sempre isso acontece.

Certo, é que certas pessoas passam a vida de braços cruzados,
à espera que lhes aconteça alguma coisa...
enquanto é tempo."

Ass: Gattaca

quinta-feira, 5 de outubro de 2006

Más conversas

É fabulosa a habilidade que certas pessoas têm de nos fazer sentir mal e culpadas por actos que são cometidos por elas próprias e dos quais depois se tentam livrar.

Esta segunda-feira tive uma grande conversa com o Jota. Desde que acabamos ele continuou a enviar sms a dizer que tinha saudades, que sentia a minha falta e uma série de balelas. Por isso na segunda-feira decidi encosta-lo à parede para perceber se ele queria novamente namorar ou não. E expliquei-lhe muito bem que eu não poderia tomar qualquer atitude perante esta situação porque o “abandonado” fui eu. Logo não devia minimamente andar atrás dele. Quem terminou foi ele, logo se queria retomar a primeira acção tinha que ser dele. E que também não compactuava com a forma de agir dele. Se ele queria voltar teria de existir uma conversa e não era fingir que nada tinha acontecido como ele estava a tentar fazer. Concordou. E disse que realmente ele iria pensar e logo diria qualquer coisa.

Passou a semana toda a ligar e a tentar fazer conversa de como quando éramos namorados. Nunca fui muito simpático e diversas vezes fui mesmo arrogante. Eu tinha avisado que sem uma conversa não voltaria a ser o mesmo gajo que ele conhecia e não passo por cima de certas situações sem a resolver bem.

Hoje liguei-lhe porque a falta de coragem dele em tomar a tal decisão (que tinha dito que ia ter) me estava a irritar. É que sou daqueles que só age quando tem certeza das coisas (por muito utópico que isso seja). E tinha esta dúvida e esperança na cabeça.
Ele realmente diz que o melhor é mesmo deixar tudo como está, porque as conversas da semana não correram bem. Mas que queria ele????? Eu tinha avisado que não ia ser simpático nem ia facilitar. Porque quem agiu de má fé foi ele! Que pensava? Que ele acabava e eu ia ficar aqui de cu aberto à espera dele??? Que ia fingir que estava tudo ok quando não estava? Sim porque se há pessoa que neste momento odeio é ele.

Qual é a dificuldade que certas pessoas têm em lidar com os erros??? Qual é a dificuldade das pessoas em enfrentarem a realidade?

Caralho gajo. O errado aqui és tu!!! Quem agiu erradamente foste tu. Se alguém tinha de ter uma atitude eras tu! Não eu!!! E isso é das poucas coisas, no meio de tudo isto, de que tenho certeza.

Mas sabem o que é pior? Quem ficou magoado e triste fui eu com esta questão das “conversas da semana”. Porque me esforcei na segunda-feira em explicar o que deveria ser feito. E pelos vistos ele não entendeu e depois ainda tem a lata de dizer que a culpa foi das conversas…

E pior ainda é que fiquei triste com tudo isto. Porra só posso ser otário. Está lá tudo a indicar que ele não é pessoa que me mereça. E ainda assim fico triste por não o ter. E ainda assim estou na merda há duas semanas. E ainda assim estou sem paciência e vontade para muita coisa. Qual é o meu erro?

E pela primeira vez na minha vida estou mesmo fodido. E só gostava que ele um dia viesse a sofrer o mesmo que estou a sofrer. Que se apaixonasse perdidamente por um gajo, se esforçasse para ficar com ele e que no fim o perdesse. Lamento, mas é isto que neste momento penso. Não tenho orgulho nisto, mas é.

Ass: Gattaca


PS – E pronto, lá vou ter novamente de sarar a ferida e aos poucos tentar voltar a acreditar nas pessoas e no que dizem. Sim porque da próxima vez que me dizerem que me amam e gostam de mim não sei se vou acreditar.

Sim Jota, caso não te lembres foste o primeiro a utilizar a palavra amor. E lembras-te como reagi? Lembro-me de ter dito que era cedo para palavras daquelas. E tu ficaste muito indignado com a minha opinião…

E quanto à amizade que tu com tanta pressa queres ter, dá-lhe tempo. Só com tempo é que vamos perceber se valerá a pena ou não. As amizades entre exs nem sempre surgem e nem sempre fazem sentido. E para as construir é preciso dar tempo e espaço…

quarta-feira, 4 de outubro de 2006

Toalhetes

Descobri hoje uma coisa muito importante, gosto de toalhetes…

E a culpa é toda da Ziggy. Passo a explicar…

Fez este domingo oito dias quando a caminho do ginásio, para ir a mais uma aula de Combat, paro num sinal vermelho e ao meu lado surge a Ziggy. Ela no seu potente, limpinho, bem cheiroso e brilhante carro, eu dentro do meu comercial imundo. Num acto de imensa generosidade a Ziggy pára ao lado do meu carro e da janela dá-me um toalhete para limpar o tablier do carro. A sujeira era tanta que apenas consegui limpar metade. Mas que bem limpo que ficou! Fiquei tão contente que lhe perguntei onde tinha comprado e ela explicou-me que eram uns toalhetes do Continente que custam cerca de 2€.

Segunda-feira lá vou ao Continente do Vasco da Gama depois do call-center. E não encontro os toalhetes. Ligo furioso para a Ziggy… LOL… No lugar dos toalhetes para o tabliet, que encontro eu? Toalhetes para limpar os vidros do carro. LOLO. E compro estes. A Ziggy promete comprar-me os outros. E verdade seja dita que ela comprou.

Hoje tive de voltar ao Continente. E que vejo eu? Mais outra espécie de toalhetes. Desta vez para limpar os estofos do carro. Comprei.

Feitas as contas nesta altura do campeonato o meu carro é limpo à base toalhetes. Só tenho pena que ainda não existam uns para aspirar os carros.

Certo é que já era fã dos toalhetes que agarram o pó da casa. Esses já utilizava. E agora acho que vou conhecer os que limpam os sanitários da casa-de-banho. E o que eu gosto do termo sanitários!!!

Ass: Gattaca

PS – Apenas para dizer que existe uma espécie de toalhetes que odeio solenemente. A cena é esta: vamos para a cama com um gajo e no final de fazermos o que temos a fazer, ele vira-se e dá-nos um toalhete Dodot para nos limparmos. ODEIO!!! É coisa de bicha. Gajo que é gajo limpa-se à t-shirt de dormir ou a qualquer outra coisa que tenha à mão. Agora toalhetes NUNCA!

terça-feira, 3 de outubro de 2006

Conversas # 8

Conversa de msn onde uma amiga minha me mostrava a foto da mãe dela. Eu, que graças a Deus sou uma pessoa muito atenta e nada distraída, saio-me com o seguinte:

Lagartixa diz:
já viste a minha mamã? não é linda?
Gattaca diz:
ela está no hi5?
Gattaca diz:
costuma vir aqui à rádio?
Gattaca diz:
anda sempre com uma gaja que trabalha na Danone?
Lagartixa diz:
hein?????
Gattaca diz:
a tua irmã
Gattaca diz:
lolol
Gattaca diz:
é que parece uma pessoa que eu conheço
Lagartixa diz:
a minha mãe!!!!
Gattaca diz:
eu juro que largo o alcool e a droga
Lagartixa diz:
LOL
Lagartixa diz:
com essa conversa toda, estás a esquivar-te a pagar-me a morangada......
Lagartixa diz:
essa é k é essa
Gattaca diz:
lol
Gattaca diz:
é é
Gattaca diz:
mas sua mãe é linda


Ass: Gattaca

segunda-feira, 2 de outubro de 2006

Donas de Casa Desesperadas # 7

“Todos procuramos alguém.

A pessoa especial que nos dará o que nos falta.

Alguém que ofereça companheirismo...
... ou ajuda...
... ou segurança.
E, às vezes, se procurarmos bem, encontramos alguém que nos dê as três coisas.

Sim, todos procuramos alguém.
Se não encontramos esse alguém,
rezamos para que esse alguém nos encontre.”

Ass: Gattaca