quarta-feira, 13 de setembro de 2006

Amesterdão # 3

Vamos lá tentar contar tudo…

Desde o início que esta viagem a Amesterdão estava a ser complicada de arranjar. Ao início íamos ser 6 pessoas mas de repente passamos para 4, depois para 3 e só mesmo no final, novamente a 4.

A fase seguinte foi tentar marcar a viagem+hotel com a agência. Vi um pacote na net que me interessava e liguei para tentar marcar lugar. Já estava esgotado. Tentei então arranjar outro hotel e ficou marcado o voo mais 4 noites num hotel. Tudo dentro dos valores que eu queria. Quando recebo o voucher do hotel percebo que apenas marcaram 3 noites. Ligo para a agência a apontar o erro. Dizem-me que o hotel que eu queria já não tinha mais vagas. Marcam-me então para outro hotel. Vou a Net ver informações sobre o hotel e descubro que estava em obras. Para além disso quem já lá tinha estado só dizia mal: quartos sujos, pessoal antipático e por aí fora. Só diziam mesmo bem era da localização. Ligo para a agência novamente dizer que não queria lá ficar para me marcarem noutro hotel. Dou cerca de 20 nomes de hotéis. No dia seguinte ligam-me a dizer que nenhum deles estava livre. Peço então para desmarcarem o hotel e me devolverem o dinheiro do hotel. Comprei apenas os bilhetes de avião. O cheque chegou esta semana. Mas tudo isto que parece rápido demorou cerca de 2 semanas. Já estava farto…

Conclusão: marquei hotel pela Internet. Foi o melhor que fiz. O escolhido foi o A-Train. Foi uma boa escolha. Preço razoável, central, limpo, quarto agradável, pessoal simpático, pequeno-almoço simpático.

Dia da viagem. Entramos no avião que saí atrasado cerca de 30 minutos. Nada de grave. Chegamos a Schiphol e vamos buscar as malas. Pois que as tinham perdido. Lá tivemos de ir para a fila das reclamações. Lá preenchemos os papeis e aguardamos. Saímos do aeroporto 2 horas mais tarde do que o previsto. Vou comprar os bilhetes do comboio para irmos para a Central Station. Pergunto no guiché qual é a linha. A senhora responde “Line 1”. Entramos no primeiro comboio que surge nessa linha. Passados cerca de 40 minutos de viagem surge o pica que nos diz que estamos no comboio errado e que a primeira paragem seria dali a 100 klm (mais coisa menos coisa). Saímos na primeira paragem e apanhamos novo comboio de regresso a Amesterdão. Novo pica que se desmancha a rir e nos diz que a viagem do aeroporto ao centro da cidade demora 15 minutos e que ainda nos faltava 1h15 de viagem de regresso. Que podíamos nós fazer? Nada mesmo né?!

Tudo isto se resume ao seguinte: se tudo tivesse corrido bem tínhamos saído de Lisboa às 07h45 e chegado ao hotel em Amesterdão perto do meio-dia. Na realidade chegamos às 16h. Nada mau certo?

Só sei é que nesta altura já só me apetecia chorar e até tinha medo do que poderia acontecer no resto das férias.

(continua)

Ass: Gattaca

Sem comentários: