terça-feira, 31 de janeiro de 2006

Porquê?

Há várias coisas que não entendo. Muitas mesmo. Também é certo que coisas que não entendia no passado, já as entendo e por isso mesmo fiquei com mais dúvidas e questões. Em contrapartida parece-me que dúvidas vão existir sempre (o que até pode ser bom), mesmo em assuntos dos quais pensamos já perceber alguma coisa. No entanto fico louco dos cornos quando me convenço que já não vou ser novamente “enganado” e quando dou por mim estou metido numa situação que não quero e da qual sempre tentei fugir. Acho mesmo que o Cosmo gosta de brincar connosco. Irónico né?

Hoje surgiram-me dúvidas... Muitas...

Porque raio é sempre a nossa escolha que nos vai magoar?
Porque raio gostar de alguém tem de ser sinónimo de desilusões?
Porque raio não podem as coisas serem simples?
Porque raio hão-de existir sempre mentiras?
Porque raio as pessoas gostam de jogar jogos?
Porque raio as pessoas não sabem ser directas e honestas?
Porque raio não conseguimos ser independentes?
Porque raio tenho sempre a noção de já saber como vai acabar determinada situação?
Porque raio tento livrar-me dos meus problemas e acabo por ser castigado pelos receios dos outros?
Porque raio me deixo abater por certas situações?
Porque raio me deixo levar?
E porque raio que fico sempre com o sentimento de que os meus feelings não estão errados?

Certo é que não sei porque me sinto assim. No fundo não é assim tão importante o que aconteceu, mas senti uma facada a ser enterrada no meu coração. Só pode mesmo ser culpa minha.

Porque baixei as armas?
Porque não consigo perdoar o que aparentemente pode não ser assim tão importante?
Porque não mudou a minha postura de via?
Porque continuo a dar importância a pequenas promonores?
Porque continuo a errar?

Não quero ficar frio! Mas começa a ser complicado. Acho que já estava na altura de me sair alguém na rifa que seja minimamente “normal”. E juro que desta vez não estou a ser casmurro se me dar oportunidade. Acho mesmo que esperei demais e fui bastante calmo em tudo...

Ass: Gattaca

PS - Sim, isto passa-me!Espero...

Sem comentários: