quinta-feira, 16 de dezembro de 2004

How The End... Always End

Como é sabido de todos, nos últimos tempos não ando a viver a melhor fase da minha vida. Nem de longe nem de perto. Infelizmente desde que as coisas com o JP acabaram ainda fiquei pior. Já não era um gajo fácil e simples e agora muito menos. Não sei que se passa comigo! Sei que estou revoltado com uma série de coisas, ando com pouca pachorra para muita coisa, ando lixado com a vida, com as ideias confusas e baralhadas. Também vos posso dizer que estou violentamente a tentar resolver tudo isto, mas todos os dias algo acontece que me deixa novamente desarmado.
Também acho que não posso, nem quero, transformar o JP no meu bode expiatório e por isso mesmo culpo-me por muito do que estou a viver actualmente... Às tantas dei mesmo o berro!!! Serão isto os 30?

E tudo isto para explicar que ando a vasculhar os meus CDs mais antigos... E eis que dou de caras com o velhinho “Vinyl” dos Gift. Um dos meus temas favoritos deste álbum sempre foi o “How The End... Always End”...

"How The End... Always End"

"Look at me
Here is my melody
It's not a symphony

Sounds like the end to me
Sounds like the time we spent
Sounds like the end... always end
Sounds like the time we kissed
Sounds like all good we missed

Sounds what it means to be
It's not a symphony
Sounds what it means to be
It's not a symphony

And every time
I lay down in my bed and rest down my head
I wait for the end

I don't know what I've yearned
Don't know what I've expected
Cause the end it's always the end"


Entretanto encontrei estas fotos no site oficial dos The Gift. São da autoria de . Espero que ninguém fique chateado por utilizar as fotos do Jorge Humberto (não faço ideia quem ele seja!). Basicamente é só para terem uma pequena noção do que se viveu nos concerto de apresentação de “Am/Fm”







Quanto ao resto prometo que estou a cuidar de mim e a tentar passar por cima disto tudo. Só que realmente tenho muitas semelhanças com as viúvas sicilianas... É tudo um drama... Mas é sentido...


Ass: Gattaca

Sem comentários: